Category Archives: Celulite

Gama Body Slim by Lierac

Quem não gostava de ter um corpo assim?

lierac body slim

A Lierac lançou dois produtos adelgaçantes novos que se vieram juntar à gama anticelulítica Body Slim.

O Body Slim Drainage é um óleo não gorduroso com perfume de frutos vermelhos. É um produto bifásico, de forma a maximizar a percentagem de componentes ativos. Não tem óleos essenciais nem cafeína e é indicado na gravidez, com total segurança.

O Body Slim Destock Nuit é o primeiro cuidado adelgaçante de noite da Lierac. Tem como base a cafeína de libertação prolongada, o que faz com que o produto atue a noite toda.

Estes dois novos produtos vêm-se juntar aos três produtos Body Slim já existentes, o Body Slim Concentré, um cuidado com tripla ação, o Body Slim Ventre & Taille, destinado ás gorduras abdominais, e, por fim, o Body Slim Zones Relâchées & Rebelles, um sérum com ação lifting que trata a celulite mais rebelde.

lierac body slim

Celulite: prepare o seu corpo para o verão!

Com o mau tempo temos tendência a desleixarmo-nos com o nosso corpo. No entanto, esta é a altura ideal para começar a pensar no verão! Pode parecer cedo demais, mas uma forma de obter melhores resultados é fazer investimentos a longo prazo.

A celulite, apesar de estar escondida pela roupa no inverno, não desaparece! Não espere pelo sol para se começar a preocupar e a tomar medidas impossíveis e ineficazes, mantenha o seu estilo de vida e os hábitos saudáveis durante o ano todo. Fuja do sofá e pratique desporto, imponha uma rotina no seu dia-a-dia com horários de refeições regulares e uma alimentação saudável.

Mesmo assim não é suficiente? Precisa de ajuda? O Skin Affairs está aqui para o ajudar a escolher o anticelulítico ideal para si!

Celulite: como combatê-la?

Com o verão chegam as preocupações relativamente à celulite. É então que corremos para as farmácias e supermercados em busca de soluções rápidas e eficazes: algo que não existe!

A celulite instala-se com muita facilidade, desaparecer é que é mais difícil.  Combatê-la é um esforço contínuo e um investimento a longo prazo, que pode beneficiar da ajuda de alguns produtos de saúde e de algumas técnicas que a estética oferece, mas que se alicerça em hábitos saudáveis.

Actualmente, existem vários produtos para a celulite, desde cremes a drenantes, esfoliantes e geles de massagem. Então, qual escolher? Por onde começar?

Pessoalmente, assim como muitas vocês, imagino, já experimentei vários cremes e nem sempre obtive resultados, o que é algo que nos consegue desmotivar, pensar em desistir e deixar de gastar dinheiro em “coisas que não funcionam”. O meu conselho é não acreditar em tudo o que vê e ouve na televisão e nas revistas, tem de ser realista e não cair em ilusões.

Cremes anticelulíticos

Com base naquilo que disse até agora, decidi experimentar duas linhas de produtos diferentes: a Elancyl e a Lierac.

Os produtos adelgaçantes da Elancyl são ricos em princípios activos naturais, como a xantofilina, a cafeína e o CLA (ácidos linoleicos conjugados), que juntos vão estimular a eliminação de gorduras e de água em excesso, inibir o armazenamento de gorduras, reduzir a massa gorda e  contribuir para o aumento da massa muscular.

No site da Elancyl (http://www.elancyl.com/pt/index.php), tem disponível um programa especializado para o seu tipo de celulite onde, após responder a algumas perguntas, são apresentados os produtos mais indicados para si.

Esta gama tem disponível três linhas dirigidas especificamente à celulite: o soro anticelulítico, o concentrado ventre-cintura e o gel de massagem adelgaçante.

  Se tiver dúvidas relativamente à utilização da luva de massagem ou até mesmo sobre a melhor maneira de aplicar o creme, a Elancyl disponibiliza um vídeo que demonstra como proceder, de forma a obter melhores resultados. Apesar da luva ser sugerida apenas em casos de celulite associada a uma sensação de inchaço, eu aconselho a usar em qualquer caso, porque esta vai activar a circulação, estimular a pele e torná-la mais receptiva ao creme anticelulítico. O gel de massagem tem um efeito complementar e vai potenciar a acção drenante desta, no entanto, a luva pode também ser encontrada em perfumarias e ser usada sem este.

Para o combate à celulite, a Lierac tem três linhas disponíveis: os cremes Morpho-Slim e Body Slim e as ampolas Phytophyline.

A linha Morpho-Slim divide-se em dois produtos: o creme para as coxas e braços e o creme para o ventre e cintura. Ambos são adelgaçantes reafirmantes, não só vão combater a celulite como vão dar a firmeza ao corpo que é perdida com o envelhecimento. Por isso, se o seu objectivo é perder celulite e ao mesmo tempo reafirmar, esta é a linha ideal para si.

Se é mais jovem e a firmeza ainda não é uma preocupação, o creme Body Slim é o mais indicado. Este vai corrigir todos os sinais visíveis associados à celulite incrustada (a tão conhecida pele casca-de-laranja!), como os relevos, a perda de tonicidade e a retenção de água. Apresenta ainda uma acção drenante que elimina os excessos de água e de toxinas, melhorando as trocas linfáticas e circulatórias.

Por fim, as ampolas, que ao contrário do que se possa pensar, não são para beber! Estas contêm os componentes activos em concentrações máximas e são para aplicar directamente nas zonas afectadas.

 Hoje em dia somos bombardeados por várias gamas e produtos e, por isso, é essencial saber quais são aqueles que se adequam a si.

Comecei por experimentar a Elancyl. Durante um mês e meio apliquei o gel com a luva de massagem no banho e o creme anticelulítico nas coxas e barriga, porque apesar da gama ter um creme específico para o ventre e cintura, torna-se bastante caro comprar os todos os produtos que aconselham. Ao fim deste tempo, passei para o creme Body Slim da Lierac, contudo continuei a utilizar a luva de massagem no banho.

Comparando os dois produtos, o creme da Elancyl deixou a minha pele mais lisa e suave ao toque logo após as primeiras aplicações e notei uma perda bastante considerável de volume, exactamente como eles prometem. No entanto, com o creme da Lierac verifiquei que a minha pele ficou mais firme, a celulite incrustada diminuiu visivelmente, assim como aqueles relevos que surgem muitas vezes quando se aperta a pele.

E consigo? Já experimentou alguma destas marcas? Partilhe connosco a sua experiência relativamente aos cremes que já usou e os resultados que obteve, sejam eles positivos ou negativos!

Celulite: a saga!

O verão já chegou e, como bem sabemos, com este vêm os preconceitos relativamente ao nosso corpo.

A celulite é uma preocupação para a maior parte das mulheres. Apesar de estar dependente de variações hormonais, pode ser favorecida por diversos factores, como excesso de peso, sedentarismo, alimentação desequilibrada, stress, deficiente circulação venosa e retenção de água.

Debaixo da nossa pele temos, essencialmente, o tecido adiposo. Este é constituído por células, os adipócitos, que têm como função armazenar e libertar calorias em função das nossas necessidades, assim como proteger e fornecer um isolamento térmico ao nosso organismo. A sua distribuição é diferente em função do sexo: no homem localizam-se na parte superior do corpo (pescoço, ombros, peito e ventre) e agrupam-se em pequenas unidades diagonais, onde se acumula pouca gordura, enquanto que na mulher se localizam na parte inferior (nádegas, ancas e coxas) e se dispõem em câmaras verticais com mais espaço para armazenamento de gorduras.

À medida que se acumula gordura, essas câmaras dilatam e propiciam a acumulação de líquidos, ao mesmo tempo que as células se agrupam através das fibras de colagénio que impedem a corrente sanguínea. Disto resulta o endurecimento e o aspecto irregular da pele – a tão conhecida celulite!

A parte estética não é a única consequência; os adipócitos encapsulados vão comprimir os tecidos envolventes, o que pode originar alguma dor local. A pressão exercida sobre os vasos sanguíneos provoca retenção de água, o que vai criar edemas e impedir uma boa eliminação das toxinas e gorduras que estagnam no tecido celulítico.

A celulite é a consequência directa do desequilíbrio entre dois fenómenos que acontecem no interior do adipócito: a lipólise e a lipogénese. O primeiro consiste na eliminação das gorduras acumuladas, que é mais intensa de manhã, altura em que o organismo tem mais necessidade de energia após o jejum da noite. A lipogénese é o armazenamento de gorduras, que ocorre sobretudo à noite, altura em que o organismo está em repouso e dispende menos energia.

Identifique o tipo de celulite que tem

Existem três tipos de celulite:

  •  A celulite localizada na zona abdominal, que está associada à ausência de firmeza;
  • A celulite incrustada, mais difusa, que está localizada em todo o corpo, nas zonas mais propícias: as ancas, coxas, nádegas e braços;
  • A celulite associada às sensações de retenção de água, que é dolorosa ao preguear a pele.

Factores desencadeadores ou agravantes da celulite:

  •  Factores genéticos: justificam a localização e quantidade de células adiposas.
  • Sexo: a celulite atinge 90% das mulheres, no entanto, é raro encontrar um homem com problemas de celulite
  • Factores hormonais: as fases da puberdade, gravidez, menopausa ou início da toma da pílula anticoncepcional são críticas para a formação de celulite. Isto porque as hormonas femininas, os estrogénios, são a “voz de comando” desta acumulação de gordura.
  • Idade: com o envelhecimento as fibras vão perdendo consistência e tonicidade, tornando-se mais permeáveis e menos resistentes.
  • Metabolismo: as mulheres com um metabolismo mais lento retardam o desgaste das gorduras, favorecendo a sua acumulação.
  • Alimentação: um deficiente equilíbrio alimentar favorece a acumulação de gordura nos adipócitos.
  • Sedentarismo: a ausência de actividade física provoca uma diminuição do consumo energético e da massa muscular, favorecendo o aparecimento da celulite.
  • Certos medicamentos: corticóides por via oral, neurolépticos, progesterona e certos medicamentos para a menopausa podem provocar um aumento de peso e acentuar o fenómeno da celulite.
  • Factores psicológicos: ansiedade, angústia, depressão, stress podem favorecer a reserva de gorduras em certas mulheres.
  • Distúrbios da circulação sanguínea: uma deficiente circulação sanguínea provoca uma deficiente drenangem dos resíduos e das toxinas com a consequente instalação da celulite.
  • Factores agravantes: o abuso de excitantes como o café, o tabaco e o álcool, associados a uma deficiente higiene de vida (dormir pouco, petiscar, refeições irregulares) agravam a celulite.

Como combater a celulite?

Acho que esta é a questão mais pertinente e que passa pela cabeça de muitas mulheres, inclusive da minha. Acho que todas sabemos de algumas “regras de ouro” que são fundamentais para lutar contra a celulite, o problema é encontrar força de vontade para as por em prática e tempo para as tornar parte da nossa rotina.

  1.  Praticar uma actividade física regular: o desporto queima as gorduras e favorece a circulação sanguínea, constitui assim um aliado de eleição não só contra a celulite mas também contra o excesso de peso. Se, como eu, tiver pouco tempo para o exercício físico e não sabe como arranjar 30 minutos no seu dia para o desporto, tente alterar pequenas coisas no seu dia-a-dia, de forma a exercitar um pouco mais o seu corpo. Aqui vão algumas sugestões: preferir as escadas ao elevador, estacionar o carro longe do supermercado, não transportar as compras todas de uma só vez para casa (ao voltar para o carro várias vezes para ir buscar os sacos faz exercício).
  2. Alimentação saudável: inevitavelmente, tem de reduzir as

    principaisfontes de calorias, as gorduras e os açúcares, ao mesmo tempo que aumenta o consumo de frutas e vegetais e a ingestão de água para 2L diários. Sal, café e tabaco estão na lista proibida! É compensador priveligiar o pequeno-almoço, fazendo dele a refeição mais importante, na medida em que as calorias ingeridas vão ser gastas ao longo do dia.

  3. Comer a horários regulares: se queremos gerir o nosso peso, devemos respeitar os horários das refeições, porque o “petiscar” desencadeia, de cada vez, uma secreção de insulina que favorece o armazenamento de gorduras.
  4. Evite os duches e os banhos muito quentes pois estes são maus para a circulação. Privilegie a água fresca que reafirma a pele. Aproveite que está calor e termine o duche com um jacto de água fresca nas zonas afectadas.
  5. Evite os jeans, os sapatos e as botas muito apertados porque bloqueiam a circulação.
  6. Utilize um produto adaptado ao seu tipo de celulite: uma acção direccionada luta mais eficazmente contra o tipo de celulite, proporcionando resultados visíveis.

A aventura e as dificuldades da escolha do anticelulítico correcto serão abordadas mais à frente. Não perca!